Follow by Email

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Al Nero di Seppia - o Deus Netuno.

Eu tenho um pouco de medo do mar.
'Ao mesmo tempo que me encanta sentar diante de ti
e observar tua imensidão,
sentir teu movimento
e deixar tudo fluir através de tua energia e
(...)
até por tudo isso, eu te respeito'.
Tento, mas não encontro palavras para descrever esse transe sensorial.
Talvez, seja Netuno - 
aquele Deus que sempre nos aparece de forma enfurecida nos livros de mitologia. 
Não sei... 
Uma de minhas últimas desventuras gatronômicas foi
um risoto al nero di seppia. 
A aparência não é das melhores -
principalmente para os menos audaciosos.
E como nos alimentamos com todos os sentidos,
e em diversos deles,
alguns não quiseram sequer provar.
Porém, os desbravadores de mares distantes 
aprovaram a descoberta.
Alho poró, cogumelos, queijo camembert 
- de pasta mole, originalmente da região da Normandia
no Noroeste da França - e camarões.
Para findar, gratinei e salpiquei pimenta calabresa. 
Para acompanhar e brindar - um bom vinho tinto.
Priscilla Sarah - aprendiz de cozinheira.

2 comentários: