Follow by Email

domingo, 3 de julho de 2011

Espírito de porco...

...quem nunca ouviu esta expressão popular?! 
O prato de hoje é um retrato falado, cuspido e escarrado disso. 
Há alguns dias, ainda despertando, o telefone de casa tocou e,
para minha surpresa, do outro lado da linha, ouvi a voz de um 'espírito de porco' 
comentando a receita do dia de um programa culinário - costela no quentão. 
Liguei a TV pensando que se tratava de uma suculenta costela de boi. 
Mas, na verdade, era uma singela  costelinha de porco. 
Sinceramente, não curto muito porco - mas fiquei com a boca cheia d'água - talvez por conta do quentão...  Relutei alguns dias mas acabei não resistindo. Me rendi! 
Fiz a receita e, como não poderia deixar de ser, dei uma pitada diferenciada. 
Ao invés de serví-la com um simples arrozinho branco e salada de folhas, 
fiz uma bela polenta mole com muito queijo e manjericão.
Para completar, uma saladinha de espinafre temperada com azeite e sal. 
Ficou uma delícia. E como o espírito de porco não veio para comer, vou ter que repetir!  
Priscilla Sarah - Aprendiz de Cozinheira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário